Afogados registra mais uma morte e 47 novos casos de covid-19

 

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta quinta (24), foram registrados 47 casos para covid - 19 em nosso município. Desses, 36 já estavam em investigação.

São 28 pacientes do sexo feminino, com idades de 18, 18, 21, 22, 26, 28, 28, 28, 30, 37, 37, 38, 40, 41, 44, 44, 45, 46, 47, 51, 53, 54, 54, 59,63, 60, 66 e 85 anos; e 19 pacientes do sexo masculino, com idades de 09, 14, 19, 19, 20, 27, 27, 30, 33, 34, 35, 39, 40, 44, 44, 57, 58, 63 e 80 anos. Entre as mulheres: 02 agricultoras, 04 donas de casa, 04 aposentadas, 02 sem informação, 01 funcionária pública, 05 estudantes (03 rede pública e 02 privada), 03 vendedoras, 02 auxiliares de serviços gerais, 02 autônoma, 01 profissional da saúde, 01 operadora de sistema e 01 auxiliar administrativo. Já entre os homens: 02 sem informação, 01 recepcionista, 01 secretário, 01 aposentado, 01 instrutor, 01 auxiliar de contabilidade, 03 estudantes (rede pública), 01 funcionário público, 01 agricultor, 01 encarregado de obras, 01 carpinteiro, 02 autônomos e 02 mecânicos. 

Hoje, 137 pacientes apresentaram resultados negativos para covid - 19 em nosso município. 

Entram em investigação os casos de 16 mulheres, com idades entre 03 e 62 anos; e 16 homens, com idades entre 09 e 62 anos. 

Hoje, 22 pacientes apresentaram cura após avaliação clínica e epidemiológica. O município atingiu a marca de 1.801 pessoas (89,42 %) recuperadas para covid-19. Atualmente, 190 casos estão ativos. 

Afogados atingiu a marca de 9.129 pessoas testadas para covid-19, o que representa 24,90 % da nossa população.

Óbito: Paciente do sexo feminino, 95 anos, aposentada, hipertensa e portadora de problemas pulmonares, faleceu no último dia 21/12, no Hospital Regional Emília Câmara. A Secretaria Municipal de Saúde recebeu a confirmação ontem da SES após a liberação do boletim diário. Nossos sentimentos aos familiares e amigos.

Casos leves x SRAG/covid- 19: 

Leves (1945 casos), 96,57 % Graves (69 casos), 3,43%.

Postar um comentário

0 Comentários