Afogados registra 9 novos casos e 12 curas para covid-19

 

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta segunda (14), foram registrados 09 casos para covid - 19 em nosso município. Desses, 03 já estavam em investigação. 

São 05 pacientes do sexo feminino, com idades de 11, 36, 40, 40 e 60 anos; e 04 pacientes do sexo masculino, com idades de 07, 25, 36 e 40 anos. Entre as mulheres: 01 estudante (rede pública), 02 profissionais da saúde, 01 dona de casa e 01 aposentada. Já entre os homens: 01 sem informação, 01 encarregado de obras, 01 estudante (rede pública) e 01 desempregado. 

Hoje, 35 pacientes apresentaram resultados negativos para covid - 19 em nosso município. 

Entram em investigação nesta segunda, os casos de 14 homens, com idades entre 19 e 79 anos; e de 43 mulheres, com idades entre 02 e 72 anos. 

Hoje, 12 paciente apresentaram cura após avaliação clínica e epidemiológica. O município atingiu a marca de 1.594 pessoas (93, 81%) recuperadas para covid-19. Atualmente, 85 casos estão ativos. 

Afogados atingiu a marca de 8.476 pessoas testadas para covid-19, o que representa 22,74 % da nossa população.

Casos leves x SRAG/covid- 19: 

Leves (1636 casos), 96,29 % Graves (63 casos), 3,71%.

Semana Epidemiológica: a SE 50 que encerrou no último sábado, registrou até o momento, 43 casos para COVID - 19. A média móvel da semana foi de 6,14 casos/dia. Comparando com o número de casos das 04 últimas semanas anteriores: SE 46 (72 casos) - média móvel (10,28 casos/dia); SE 47 (93 casos) - média móvel (13,28 casos/dia); SE 48 (63 casos) - média móvel (09 casos/dia); SE 49 (118 casos) - média móvel (16,85 casos/dia). Ainda faltam alguns resultados de exames das semanas 46 e 48. Ao provocar o LACEN PE, o município foi informado que esses exames foram encaminhados para laboratórios credenciados ao MS e por isso a demora em liberar os resultados. Informamos mais uma vez que os pacientes que aguardam resultados de exames dos dias: 13, 18, 23 e 28 de novembro, devem procurar a Unidade de Campanha Dia para reavaliação.

Postar um comentário

0 Comentários