Policial: ameaça em Afogados, Tabira e Carnaíba e recuperação de carro e objetos roubados em Brejinho

Ameaça em Afogados –
A policia foi acionado pela Central de Operações para averiguar uma ocorrência de ameaça. Ao chegar no local, os envolvidos foram encontrados e estavam discutindo, além de se ameaçaram. Os mesmos foram conduzidos à Delegacia de Polícia local, onde responderão TCO.

Ameaça em Tabira - O efetivo do 23º BPM foi solicitado pela vítima, a qual relatou que o seu companheiro havia ingerido bebida alcoólica e estava ameaçando-lhe com um facão. Ao chegar à residência da solicitante o policiamento encontrou o acusado bastante alterado, no entanto a arma branca não foi localizada. Diante dos fatos, as partes foram conduzidas à Delegacia de Polícia de Afogados da Ingazeira, onde foi lavrado um TCO.

Policia recupera carro e objetos roubados em Brejinho - O policiamento após diligências recuperou no sítio Serraria, o veículo Gol de cor vermelha, ano 2012, e alguns objetos: 01 (um) notebook, 01 (um)  aparelho de som Gradiente, 01 (um)  ventilador, um liquidificador, 01 (um)  faqueiro, 01 (um)  nebulizador e 01 (um) sanduicheira, que foram roubados em uma residência na zona rural de Brejinho. Nenhum suspeito foi localizado. A ocorrência foi repassada à Delegacia de Polícia local, onde foi instaurado Inquérito Policial.

Violência doméstica em Carnaíba - O efetivo da PM foi acionado pela Central de Operações para atender uma ocorrência de violência doméstica. Chegando ao local, a vítima relatou que seu ex-companheiro foi até sua residência e ameaçou-lhe com um facão. Após diligências, o acusado foi localizado e, mesmo na presença do policiamento, ameaçou a vítima de morte. As partes foram apresentadas na delegacia de plantão em Afogados da Ingazeira, onde o policiamento constatou ainda que existia um mandado de prisão contra o imputado, expedido pel a 3ª ; Vara Regional de Execução Penal da Comarca de Caruaru-PE. Diante dos fatos, foi cumprido o mandado de prisão e realizado o procedimento de flagrante delito pelo crime de violência doméstica.

Postar um comentário

0 Comentários