Mãe tem surto psicótico e mata filha de 9 meses, afirma polícia

Uma mãe teve um surto e matou a filha de apenas 9 meses com uma faca no apartamento onde moravam na rua Continental, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo, na tarde desta segunda-feira (29). Ela ainda atacou a outra filha de 9 anos, que foi salva pelo tio. As informações são da Record TV.

Segundo a Polícia Civil, a suspeita estava no apartamento de luxo no décimo segundo andar com o cunhado e duas filhas. Em determinado momento, Jéssica Silva, de 27 anos, teve um surto e matou a filha, Ivyalla Silva Chaumett, de nove meses, com um corte no pescoço.

Ela chegou a ir em direção à segunda filha, mas foi impedida pelo cunhado, de origem haitiana. Eles chegaram a ter uma luta corporal mas Jéssica foi imobilizada. Os vizinhos ouviram a confusão e acionaram a Polícia Militar.

Quando os policiais chegaram na residência, Ivyalla já estava morta. A segunda filha junto com o cunhado foram encaminhados ao hospital. Jéssica também foi levada ao Hospital de Urgências do município. 

Na delegacia, Jéssica contou aos policiais que tem problemas psiquiátricos e toma remédios controlados. Ela disse não lembrar ao certo o que aconteceu. Ela é casada com um médico haitiano que atua no Brasil, mas ele não estava no apartamento no momento do ataque.

O caso foi encaminhado ao 1º DP de São Bernardo do Campo, onde a ocorrência foi registrada como flagrante de homicídio qualificado.

O IML (Instituto Médico Legal) de São Bernardo do Campo informou que o corpo da bebê está no local desde a noite desta segunda. (R7)

Postar um comentário

0 Comentários