Foto de mulher com máscara improvisada no rosto viraliza e ela se explica: 'Não é calcinha'

A foto de uma moradora de Governador Valadares (MG) viralizou na internet por conta da proteção improvisada que ela usou no rosto. Muitos compartilharam pensando se tratar de uma calcinha. Ao G1, Graziela Batista explicou que, na verdade, era um top.

Ao ser impedida de entrar no Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) para resolver pendências de uma conta de água por estar sem máscara, a vendedora de roupas de ginástica teve a ideia de usar uma das peças que estava dentro da bolsa.

Um decreto municipal publicado em 15 de maio tornou obrigatório o uso de máscaras como parte das medidas de prevenção ao coronavírus.

Graziela sugere que estabelecimentos poderiam ter máscaras descartáveis disponíveis. "Eu pelo menos tinha um top para colocar no rosto, mas e as outras pessoas que não têm? Eu consegui me proteger pelo menos", afirmou.

A autônoma reconhece que o prefeito está correto em relação a obrigatoriedade desse item de proteção. (G1)

Postar um comentário

0 Comentários