Vice José Amaral anuncia que mesmo não tendo certeza do apoio do ex-prefeito Josete, vai disputar Prefeitura

Depois de anunciar que disputaria a Prefeitura de Tabira em 2020 em faixa própria pelo Democrata Cristão, o vice-prefeito José Amaral forneceu ontem mais detalhes para justificar a sua decisão: “Passei por mentiroso, mas em 2018 quando me reuni com Aristides Santos e Carlos Veras, na oportunidade candidato a Deputado Federal, anunciei o meu apoio e adiantei o interesse em disputar a Prefeitura em 2020 e eles disseram que me apoiariam”. 

Ao falar a Rádio Cidade FM ontem por telefone, respeitando o isolamento, Amaral disse que já que o PT não promoveu a pesquisa prometida pelo Deputado Carlos Veras, o vereador Djalma das Almofadas encomendou a consulta popular. Sem lembrar dos números e o nome do Instituto, o vice-prefeito informou ter vencido a consulta popular. O resultado foi apresentado a Carlos Veras que argumentou que o partido estava recebendo outro prefeiturável e outra pesquisa precisava ser feita. Depois desta informação e de revelações de integrantes do bloco governista que Flávio Marques seria o candidato escolhido por Alan Dias (filho do prefeito Sebastião Dias) e o Deputado Carlos Veras, preferiu bater em retirada e disputar a eleição em faixa própria. 

Disse respeitar a orientação do irmão ex-prefeito Josete Amaral de que ninguém pode ser candidato de sí mesmo, mas assegura ter o “apoio do povão” para enfrentar as urnas. 

José não descartou um entendimento com a Presidente da Câmara Nely Sampaio (PSC) que também está em rota de colisão com os governistas. 

Sobre o possível apoio dos irmãos Mário Amaral que disputará o mandato de vereador pelo PSB e do ex-prefeito Josete, Jose Amaral não soube dizer se eles estarão com ele na eleição. (Por Anchieta Santos)

Postar um comentário

1 Comentários

  1. EITA QUE ZÉ DE HELENA QUER SER PREFEITO NA TORA NÉ ? POLÍTICA NÃO SE FAZ ASSIM.

    ResponderExcluir