Confirmada morte de paciente de Itapetim notificado com suspeita de Covid-19; caso está em investigação

O paciente de Itapetim com suspeita de Covid-19 veio a óbito no início da noite desta sexta-feira (17) no Hospital Oswaldo Cruz em Recife, onde estava internado na UTI. A informação foi confirmada pela família ao Blog do Repórter do Sertão.

A morte do rapaz de 32 anos chegou a ser anunciada pela Secretaria de Saúde na manhã deste sábado (18). Após o anúncio a informação foi retificada porque ainda faltava a confirmação do hospital.

Sobre a suspeita de coronavírus, a Secretaria de Saúde de Itapetim informou em nota que recebeu dos serviços de Saúde do Estado a notificação para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e segue em investigação laboratorial para a COVID-19 e outros vírus respiratórios junto ao LACEN-PE.

O paciente deu entrada no Hospital Getúlio Vargas em Recife no dia 03/03/2020 com histórico de dor abdominal + vômito. Ficou aproximadamente um mês em internamento hospitalar para estabilização e estudo do caso, tendo alta posteriormente. Após dez dias da alta hospitalar teve piora do quadro e deu entrada novamente na Unidade de Saúde acima mencionada.

De acordo com informações da família, após ter dado entrada no hospital em Recife no dia 03 de março, o rapaz não retornou mais para Itapetim. Ele fazia tratamento contra outros problemas de saúde.

Em 13/04 começou a apresentar tosse e desconforto respiratório, evoluindo para dispnéia e saturação 86%. Ele foi transferido ao Hospital Oswaldo Cruz onde faleceu. O caso aguarda resultado do exame laboratorial que vai confirmar ou descartar o Covid-19 no paciente.

É o terceiro paciente de Itapetim notificado com suspeita de coronavírus. Os dois primeiros casos notificados foram de um homem e uma criança do sexo masculino, de 62 e 7 anos respectivamente. Ambos testaram negativo para o Covid-19 após a realização dos exames. O idoso natural da zona rural de Itapetim faleceu na última quarta-feira (15) em consequência de outros problemas de saúde. Ele foi sepultado na noite da quinta-feira (16) no cemitério do Distrito de São Vicente.

A criança também reside na zona rural de Itapetim. Ele tem quadro infeccioso confirmado para Leishmaniose (CALAZAR), mas já recebeu alta hospitalar. (Marcello Patriota)

Postar um comentário

0 Comentários