TCE julga regular com ressalvas gestão financeira de 2018 do Cimpajeú

03 dezembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Trata-se o processo em apreciação da Prestação de Contas do Consórcio de Integração dos Municípios do Pajeú – CIMPAJEÚ, tipo Gestão, relativa ao exercício financeiro de 2018, que teve como titular o prefeito de Flores, Marconi Santana.

Da análise dos autos foi emitido Relatório de Auditoria que aponta algumas irregularidades como: Realizar despesa não autorizada; Pagamento de despesa sem liquidação de fato; Despesas com aquisição de combustíveis sem o devido controle; Despesas com pagamentos indevidos de encargos financeiros decorrentes de atraso no recolhimento de contribuições previdenciárias ao RGPS/INSS; Despesas com locação de veículos cujas prestações de contas não estão instruídas em consonância com a Resolução nº 05/2016 do CIMPAJEÚ.

A Segunda Câmara da Corte de Contas julgou irregular a prestação de contas e multou o prefeito de Flores em R$ 11.755,10. (Afogados Online)

0 comentários:

Recent Comments