Bolsonaro quebra protocolo, caminha em avenida e participa de desfile ao lado de Bispo Edir Macedo e Silvio Santos

07 setembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro participou neste sábado (7) do desfile do Dia da Independência na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. O desfile durou duas horas e 18 minutos. Foi o primeiro de Bolsonaro em comemoração do 7 de Setembro na condição de presidente.

O presidente chegou de Rolls Royce e, depois de iniciado o evento, desceu do palanque, cercado por seguranças e acompanhado do ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública), para acenar ao público das arquibancadas.

Antes de deixar o Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência, para se dirigir à área do desfile, Bolsonaro fez um curto pronunciamento à TV Brasil, emissora oficial. Na fala, disse que a independência nada vale sem liberdade, "essa por tantas e tantas vezes ameaçada por brasileiros que não têm outro propósito senão o poder pelo poder".

Usando a faixa presidencial, Bolsonaro chegou às 8h47 ao local onde o aguardava o Rolls Royce presidencial, de 1952, utilizado pela primeira vez em 1953, pelo então presidente Getúlio Vargas.

Ele seguiu de pé em carro aberto, acenando para o público, até o palanque das autoridades, situado a dois quilômetros.

No carro, estava acompanhado de um dos filhos, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), que seguiu sentado no banco de trás.

No caminho, o carro parou, e um menino – Ivo César Gonzales, de 9 anos – foi colocado dentro do veículo, onde permaneceu ao lado de Bolsonaro até o fim do trajeto.

No palanque, Bolsonaro era aguardado pela primeira-dama Michelle Bolsonaro, trajada com um vestido amarelo, e por convidados, entre os quais o bispo Edir Macedo, o apresentador Silvio Santos e o empresário Luciano Hang. (G1)

Cláudio Reis/Framephoto/Estadão Conteúdos

0 comentários:

Recent Comments