Coluna O Linguarudo - Não Vou Mentir Para Agradar (13/08/2019)

13 agosto Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Desembargador Bartolomeu Bueno ‘sugere’ ‘interdição’ de Bolsonaro por ‘falta de condições mentais para o exercício do cargo’ - O desembargador Bartolomeu Bueno, do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (TJPE), foi às redes sociais falar sobre o presidente da República, sem, contudo, citar diretamente o nome de Jair Bolsonaro (PSL). O magistrado, também presidente da Associação Nacional de Desembargadores (ANDES), mencionou a possibilidade de interdição de autoridades que “não falam respeitando a liturgia do alto cargo que ocupam” ou que “falam pensadamente querendo imbecilizar os brasileiros”. O desembargador esclarece que não está falando em impeachment, mas sim em “interdição, por falta de condições mentais para o exercício do cargo”. Não é a primeira vez que o magistrado critica medidas do governo Bolsonaro. O desembargador criticou duramente a reforma da previdência, em julho. (Rádio Vivo)

Trabalhadores param obras do Hospital do Sertão, em Serra Talhada - Cerca de 50 trabalhadores cruzaram os braços no canteiro de obras do Hospital Geral do Sertão (HGS), que está sendo construídos às margens da BR-232, em Serra Talhada. As primeiras informações são de que a empreiteira responsável pagou apenas a uma parcela de operários, sem perspectivas de quitar com os demais, que estão greve até uma resposta sobre o assunto. A denúncia do atraso veio à redação do programa Frequência Democrática, na rádio Vila Bela FM, através de um operário que pediu anonimato. “A informação é que a culpa não é do governo do Estado, que já teria repassado o dinheiro para empresa. O problema é de total responsabilidade da empresa”, disse o trabalhador. A reportagem do Farol teve no canteiro de obras e comprovou que há um quadro reduzido de operário. Um dos representantes da empresa disse ‘não ter nada a declarar sobre o assunto’. (Por Anchieta Santos)

Alexandre Frota deve ser expulso hoje do PSL - O presidente do PSL, Luciano Bivar (PE), adentrou no movimento já em curso dentro de seu partido para expulsar o deputado federal Alexandre Frota (PSL-SP). A articulação é justificada pelas críticas do deputado a Jair Bolsonaro e seu governo, sendo a expulsão um sinal para o Planalto de que o partido estabelece limites na expressão dos parlamentares. Caso será analisado hoje pelo Conselho de Ética da sigla.

Cotado para PGR, Aras quer padrão Lava Jato para Estados e municípios - Cotado como um dos favoritos para assumir a Procuradoria-Geral da República em setembro, no lugar de Raquel Dodge, o subprocurador-geral Augusto Aras pretende, caso seja escolhido por Bolsonaro, aplicar o padrão Lava Jato de combate à corrupção em todo o Ministério Público, estendendo para Estados e municípios.

Demissão com atraso na Compesa - Paulo Câmara consumou ontem, com 15 dias de atraso, a demissão de Roberto Tavares da presidência da Compesa. Substitui-o pela engenheira Manuela Marinho. Tavares será agora assessor especial do secretário Décio Padilha (Fazenda). Geraldo Júlio e Antônio Figueira não fizeram o sucessor (Renato Thiebaut), mas livraram-se de quem não queriam.

0 comentários:

Recent Comments