Coluna O Linguarudo - Não Vou Mentir Para Agradar (14/06/2019)

14 junho Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


TCE dá prazo de 120 dias para prefeito de Afogados informar sobre providência no tocante aos resíduos sólidos - Uma AUDITORIA ESPECIAL realizada pelo Tribunal de Contas de Pernambuco na Prefeitura Municipal de Afogados da Ingazeira, exercício financeiro de 2018, tendo por objeto analisar possíveis irregularidades na disposição dos resíduos sólidos do referido município. A Segunda Câmara, por maioria, determinou que, no prazo de 120 (cento e vinte dias), sejam comunicadas ao referido Tribunal as providências que estão sendo ou foram tomadas para solução do objeto da Auditoria Especial, quanto à disposição de resíduos sólidos no referido Município.

Manter a Frente unida em 2020 só com mágica - No governo de Jarbas Vasconcelos (1999-2006) foi inaugurada uma prática política em Pernambuco que não existia nos governos anteriores: líderes políticos do interior, de um lado só, salvo raras e honrosas exceções. Assim, o governador passou a ser apoiado na grande maioria dos municípios pelos “dois lados”, ou seja, pelos dois grupos políticos que se revezavam na disputa pelo controle do poder local. Até em Petrolina isso aconteceu com o deputado Osvaldo Coelho e o então prefeito Fernando Bezerra, então adversários em âmbito municipal, juntos com o governador. No governo de Eduardo Campos essa prática adesista foi ainda mais forte. Chegamos ao ponto de ter todos os prefeitos pernambucanos aliados ao governo estadual, à exceção de um: Júlio Lossio, então prefeito de Petrolina. Em 2014, a tropa de Eduardo Campos migrou para o palanque de Paulo Câmara, de modo que não houve alterações no jogo das alianças no interior. Em 2016 o PSB elegeria 70 prefeitos, sendo que a maioria dos candidatos derrotados permaneceu “governista”. Agora, Paulo Câmara terá que fazer malabarismos para segurar essas alianças, porém é inevitável que haja defecções em 2020 pela simples e óbvia razão de que não cabe todo mundo de um lado só. Casos com o de Caruaru, por exemplo, onde o Governo do Estado tem o apoio de quatro correntes, talvez não se repitam mais. (Inaldo Sampaio)

De volta – Derrotado duas vezes na corrida pelo Governo do Estado, o ex-senador Armando Monteiro Neto já começou a fazer articulações com vistas a fortalecer o PTB nas eleições do próximo ano. Sua meta é estimular a candidatura a prefeito de pelo menos 60 trabalhistas nas diversas regiões. O PTB ocupa, hoje, 19 prefeituras, entre as quais a de São Lourenço, no Grande Recife. (Magno Martins)

Tabirenses aderem a paralisação nacional que acontece hoje - Em manifestação contra a Reforma da Previdência tabirenses vão às ruas hoje ás 8hs da manhã. Numa manifestação liderada pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Conselho de Desenvolvimento Rural e Sindupron, servidores públicos e trabalhadores rurais se encontrarão na sede do Sindicato onde haverá palestras e discursos. Falando a Rádio Cidade FM, Joel Mariano na condição de Presidente do Conselho Rural fez a convocação dos trabalhadores para o evento, mas não soube explicar se haverá paralisação hoje das aulas nas escolas das redes estadual e municipal. (Por Anchieta Santos)

"Aquela facada pra mim tem uma coisa muito estranha", diz Lula - "Aquela facada pra mim tem uma coisa muito estranha", afirmou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em entrevista concedida a Rede TVT e exibida na noite desta quinta-feira(13), sobre o atentado sofrido pelo presidente Jair Bolsonaro durante as eleições no ano passado. "Uma facada que não aparece sangue em nenhum momento, uma facada que o cara que dá a facada é protegido por segurança do Bolsonaro, a faca que não aparece em nenhum momento", complementou Lula.

0 comentários:

Recent Comments