Polícia divulga detalhes de homicídio seguido de suicídio em Afogados

06 abril Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Na madrugada desta sexta-feira (05), por volta de 01h30min, após informação dos agentes de polícia civil, a central de operações empenhou o policiamento CVLI a fazer deslocamento até o sítio Gangorra Afogados da Ingazeira para averiguar um crime de feminicídio seguido de suicídio, posteriormente confirmando a veracidade dos fatos. 

Segundo a testemunha, que é irmão de Bartolomeu M. Pereira, 62 anos, aposentado, informou que seu outro irmão, recebeu uma ligação do mesmo informando que tinha atirado em sua companheira e iria cometer suicídio, após alertado as testemunhas se dirigiram ao local do fato e de imediato arrombaram a porta e localizaram o casal sobre a cama do quarto. A vítima Renata Ferreira, 30 anos, já se encontrava sem vida e Bartolomeu, com visíveis sinais vitais, chegou a ser socorrido pelo corpo de bombeiros, vindo a óbito no hospital Regional Emília Câmara. 

O revólver da marca Taurus, cal. 38, foi encontrado em cima da cama. Segundo peritos do instituto de criminalística, foram localizadas quatro lesões no braço direito da vítima e uma na cabeça. Em Bartolomeu foi localizado uma lesão no lado direito da cabeça, lesões estas causadas por disparos da arma utilizada. A ocorrência está a cargo da polícia civil, onde será aberto um inquérito por portaria.

Não se sabe ou não foi divulgado o que motivou o ocorrido.

0 comentários:

Recent Comments