Coluna O Linguarudo - Não Vou Mentir Para Agradar (04/04/2019)

04 abril Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Carlos Veras critica reforma da Previdência na Câmara - O deputado federal, Carlos Veras (PT-PE), sindicalista ligado ao PT, aproveitou o primeiro pronunciamento em grande expediente na Câmara Federal, nesta tarde de hoje (3), para criticar a reforma da Previdência. “Ficou claro porque ele (ministro da Economia, Paulo Guedes) não veio à CCJ antes para debater com os parlamentares. Ele não tem como justificar essa criminosa reforma da Previdência. Apresentou uma série de dados confusos. Afirmar que a Previdência Social gera desigualdades é uma falácia. Pelo contrário, ela gera dignidade por ser a maior política de distribuição de renda do mundo. São mais de 100 milhões de brasileiras e brasileiros beneficiados”.

Prefeitura não paga a conta e Celpe corta energia em Floresta – Como se não bastasse a gestão do prefeito Ricardo Ferraz enfrentar uma série de problemas, a prefeitura de Floresta agravou sua situação ao não pagar a conta de energia de alguns prédios públicos. A Celpe realizou o corte da energia dos prédios e quem ficou prejudicada foi a população.

Muito em breve o Aeroporto de Serra Talhada entrará na rota da aviação comercial”, diz Sebastião Oliveira - Duas boas notícias relacionadas ao Aeroporto de Serra Talhada foram repassadas ao deputado federal Sebastião Oliveira pelo diretor de Investimento da Secretaria Nacional da Aviação Civil. Eduardo Bernardi. O encontro entre os dois aconteceu, nesta quarta-feira (3), em Brasília. A primeira delas é que o aeroporto está sendo contemplado com mais R$ 8 milhões no orçamento de 2019. Esse recurso faz parte dos restos a pagar de 2018. A outra boa notícia recebida pelo parlamentar pernambucano é que o Departamento de Controle do Espaço Aéreo – Decea – vai homologar até o final deste mês a Estação Meteorológica de Superfície Automática – EMSA. Concluída essa etapa, as empresas aéreas receberão autorização da Agência Nacional de Aviação Civil – Anac – para realizar duas operações semanais.

Caetano é imbecil? - O cantor e compositor Caetano Veloso decidiu processar o bispo auxiliar do Ordinariado Militar do Brasil, Dom José Francisco Falcão, por ter dito numa missa no dia 31 de março que gostaria de dar “veneno de rato” ao “imbecil” que compôs a música “É proibido proibir”, informa a revista “Época”. Caetano é autor da canção, que foi gravada em 1987. O sermão do “religioso” repercutiu nas redes sociais após a revelação feita pela revista “Veja” na última segunda-feira (1º/4). Segundo a revista, a viúva do coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, ídolo de Jair Bolsonaro e único torturador brasileiro reconhecido pela Justiça, estava na missa.

0 comentários:

Recent Comments