Coluna O Linguarudo - Não Vou Mentir Para Agradar (05/02/2019)

05 fevereiro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Isaltino Nascimento é oficializado como líder do governo - O deputado estadual Isaltino Nascimento foi anunciado ontem pelo Palácio do Campo das Princesas como líder do governo Paulo Câmara na Alepe. Isaltino disputou a primeira-secretaria mas acabou derrotado por Clodoaldo Magalhães.

Pedido de CPI para investigar Brumadinho é protocolado na Câmara - Um pedido de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as circunstâncias do rompimento da barragem da mina do Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG) foi protocolado nesta segunda-feira (4) na Câmara dos Deputados, em Brasília. O requerimento da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) conta com mais de 200 assinaturas, segundo a parlamentar. Para que uma CPI seja instalada, é necessário o apoio de ao menos um terço da Casa -ou seja, 171 deputados. 

Mercado público de Salgueiro continua funcionando em condições precárias - Feirantes e visitantes do mercado público de Salgueiro, estão incomodados com as condições precárias do local. Falta de limpeza, mau cheiro vindo dos banheiros e uma infraestrutura inadequada estão entre os problemas, que já são antigos. O comerciante Marcelo Venceslau da Silva afirma nunca ter visto o mercado ser limpo. “Eu nunca vi ninguém passar uma vassoura aqui. Aqui merecia ser lavado uma vez por mês. Você está almoçando, merendando, e não suporta o cheiro”, diz. (Rádio Vivo)

Caio pode ir para o DNOCS - Presidente regional do Solidariedade, o deputado Augusto Coutinho sugeriu a Ônix Lorenzoni, chefe da Casa Civil da Presidência da República, o nome do ex-deputado Kaio Maniçoba para dirigir o Dnocs. Se der certo, será mais um ex-deputado na equipe do “capitão”.

Votação do candidato do PSB foi vergonhosa - Por não querer juntar-se ao PSL para apoiar Rodrigo Maia (DEM-RJ) à presidência da Câmara Federal como fizeram o PCdoB e o PDT, o PSB acabou isolado. Lançou a candidatura do deputado JHC (AL), que teve apenas 30 votos. Nem para marcar posição o comportamento do PSB serviu.

Uma unificação necessária para o NE - Já que decidiu fundir algumas pastas ministeriais, o presidente Bolsonaro bem que poderia transformar a Sudene, a Codevasf e o Dnocs num órgão só. Todos estão esvaziados, mas funcionando como entidade única prestariam melhores serviços ao Nordeste. Eles têm a “memória” da região em suas respectivas áreas e isso seria armazenado numa pasta só. O empresário pernambucano Gilson Machado Neto, que é amigo do presidente Bolsonaro, está tentando emplacar o nome do ex-governador Joaquim Francisco (PSDB) na direção da Sudene. O órgão já esteve subordinado ao próprio Joaquim quando ele exerceu o cargo de ministro do Interior no governo Sarney. O superintendente era Dorany Sampaio, indicado por Miguel Arraes. (Por Anchieta Santos)

0 comentários:

Recent Comments