Tuparetama: Funpretu fez uma audiência pública na sexta-feira (14)

17 dezembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


O Fundo Previdenciário de Tuparetama (Funpretu) realizou uma audiência pública na noite da sexta-feira (14). Nesta a empresa de assessoria Controle Interno e Previdência (CIPREV) contratada por o Funpretu apresentou à população uma análise da situação financeira e medidas necessárias para a recuperação do fundo. A CIPREV foi contratada por este fundo em abril de 2017.

Hoje, o Funpretu tem 110 aposentados, 12 pensionistas e 231 servidores efetivos em atividade. “Essas medidas apresentadas aqui são medidas emergenciais”, disse Adriano da Silva, proprietário da empresa CIPREV. Esta audiência foi feita no Teatro Municipal Manoel Filó, na Rua Monsenhor Rabelo, nº 4, no Bairro do Centro, em Tuparetama.

As medidas apresentadas por Adriano para recuperar o fundo foram o concurso público, a autorização do poder legislativo do parcelamento da dívida patronal, o compreve que é o convênio de compensação previdenciária e a segregação de massa. Esta coloca a contribuição do servidor que entrar agora em uma conta separada para pagar a futura aposentadoria desse servidor novo.

Segundo Adriano, o fundo está descapitalizado e existiam problemas causados por falha da assessoria da gerência anterior do fundo sendo necessário tomar algumas destas 4 medidas emergenciais. “A gente precisa tomar medidas para esse fundo se capitalizar”, disse Adriano.

De acordo com Reinaldi Galvão, Gerente de Previdência do Funpretu, a sugestão de parcelamento vai ser enviada à Câmara de Vereadores logo no início da retomada de trabalho dos vereadores. “Assim que a Câmara voltar de recesso vai ser enviado uma sugestão de parcelamento da parte patronal dos anos de 2015 e 2016”, disse Reinaldi.

Entre os participantes desta audiência estava Jonathan do Nascimento, Procurador da Prefeitura de Tuparetama. Para este os parcelamentos fazem parte do trabalho que o município adotou nesta gestão para recuperar o fundo previdenciário. “A câmara está de recesso, mas assim que voltar este projeto de lei já vai está lá para ser votado”, disse.

0 comentários:

Recent Comments