Agressão e desordem em Afogados da Ingazeira

24 novembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Desordem em Afogados - O policiamento foi acionado pela Central de Operações para averiguar uma perturbação de sossego. Chegando ao Centro da cidade o policiamento constatou que o imputado, um homem de 55 anos, danificou a porta da residência e o medidor de energia, bem como jogou garrafas, pedaços de canos e urina no meio da rua. A proprietária da residência. A responsável pela residência não quis representar contra o imputado. O imputado foi conduzido a Delegacia de Polícia de Afogados da Ingazeira para serem tomadas as medidas cabíveis.

Agressão em Afogados - A equipe ROCAM foi solicitada pela central do 23º BPM, pois no bairro Bela Vista estaria acontecendo uma ocorrência com violência doméstica. Chegando no local a vítima começou a relatar que o imputado (seu irmão) o qual reside na sua residência, presenciou quando ela repreendeu o seu filho, sobrinho do imputado, tendo ele não gostado da atitude da sua irmã. Diante da situação, ambos começaram a discutir e o imputado agrediu a vítima com socos, ponta pés, empurrões e enforcou-a. Neste momento o filho da vítima começou a gritar e pedir socorro, sendo este o motivo que fez com que o agressor parasse de agredir a vítima evadindo-se do local. A vítima teve lesões na cabeça, crânio, face e braço direito. Ela ainda informou que é rotineiro as agressões partidas do seu irmão, causadas pelo mesmo motivo. Foram realizadas diligências para localizar o imputado, porém não teve êxito. Diante disto a vítima foi conduzida à delegacia local, onde foi instaurado um inquérito polícia para investigar o caso.

0 comentários:

Recent Comments