Fiscalização Preventiva encontra catadores em situação degradante em lixões no Sertão do Pajeú

08 agosto Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


No decorrer de inspeções no Sertão do Pajeú, membros da Fiscalização Preventiva do São Francisco em Pernambuco (FPI-PE) encontraram catadores em situação degradante em lixões nas zonas rurais de seis municípios. As pessoas que retiram o sustento dos resíduos foram encontradas sem equipamentos de segurança, em meio a material descartado de forma inadequada em lixões a céu aberto. Isso foi verificado em Tabira, Iguaraci, Carnaíba, Tuparetama, Afogados da Ingazeira e Ingazeira.

De acordo com a FPI-PE, nos municípios visitados são insuficientes as iniciativas do poder público para gestão adequada do lixo, contrariando o que estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Todos os resíduos são despejados em lixões, que não são cercados para controlar o acesso de pessoas e animais.

Em todos os lixões, a FPI-PE encontrou catadores, queima permanente do material despejado e falta de fiscalização das prefeituras. Essas pessoas ficam vulneráveis a doenças por lidar com diversos tipos de resíduos, como restos de animais e de serviços de saúde, lixo eletrônico contendo metais pesados, vidros e pneus. Também é visível a contaminação do solo, do ar e da água.

Os agentes de fiscalização deram uma atenção especial aos aproximadamente 80 catadores encontrados e irão tomar medidas para amenizar essa situação.

0 comentários:

Recent Comments