Coluna Tarcízio Leite: empreender sem mistério

07 agosto Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


O empreendedorismo como é chamado hoje (comércio, indústria, prestação de serviços) é uma atividade como qualquer outra, onde as pessoas ao decidirem empreender, deveriam ter a intenção de buscar satisfazer as necessidades dos seus possíveis clientes.

Sendo assim, procuravam se inteirar das necessidades do consumidor, buscando produtos de boa qualidade com preços compatíveis ao mercado.

Além do que, procurariam se inteirar dos documentos necessários para regularizar o seu negócio, buscando um profissional de sua confiança, para que não fique procurando informação do profissional e tentando confirmar com o parceiro (também empreendedor).

Iniciando desta forma poderia administrar o empreendimento com mais tranquilidade e principalmente com mais eficiência.

Mas para isto é necessário o que muitos vivem a publicar nas mídias sociais: "humildade" porém, muitas vezes, não conseguem distinguir humildade de humilhação e outros conceitos.

Porém deixando os nossos comentários e partindo para prática, vamos aqui ver o que uma empresa precisa para iniciar o seu negócio e deverá manter sempre atualizado:

DOCUMENTOS QUE DEVEM ESTAR EXPOSTOS EM LOCAL VISÍVEL EM SEU ESTABELECIMENTO:

1 - Contrato Social, quando sociedade, Requerimento de Empresário, quando firma Individual ou Certificado de Empreendedor Individual;

2- CNPJ;

3- INSCRIÇÃO ESTADUAL, quando comércio, indústria ou outra atividade com esta obrigatoriedade;

4- Alvará de Licença;

5 - Licença da vigilância sanitária (quando negociar com gênero alimentício, medicamentos, etc.)

EQUIPAMENTOS:

1 - Extintor de Incêndio;

2 - Sistema para emissão de nota Fiscal eletrônica, mesmo que seja venda para consumidor final;

OUTRAS:

• Notas fiscais de compras. Como um estabelecimento vende se não compra? E se compra, deve ter a nota fiscal de compra.

Tudo isto são coisas lógicas, não precisa ser contador, advogado entender de contabilidade como muitos dizem, precisa apenas vontade de fazer o necessário.

Vamos parar, pensar o que é que falta fazer para ficar em dia com a documentação da empresa?

Depois, o que não consigo resolver sozinho? 

Agora chegou a hora de procurar um profissional de sua confiança, contar a situação da empresa e seguir a sua orientação, sem fazer adivinhação e sem querer seguir o parceiro (ou concorrente, se você assim o considera).

Siga estas orientações com relação a documentos e equipamentos que você deve manter em seu estabelecimento.

Procure ver o melhor enquadramento tributário para sua empresa.

Procure saber quais as obrigações tributárias e acessórias da sua empresa, siga a orientação e administre com sucesso, pois só assim você vai parar de reclamar do que não pode evitar.

Sucesso para você e o seu empreendimento!!!

0 comentários:

Recent Comments