Paraibano é preso em Afogados tentando passar nota falsa no comércio

19 julho Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


A GT foi acionada pela Central de Operações do 23º BPM para fazer deslocamento até o bairro São Francisco, a fim de averiguar uma ocorrência envolvendo moeda falsa. 

Ao chegar ao local, o policiamento manteve contato com a vítima que afirmou que o imputado R. L. F., residente em Serra Branca, Juru-PB, adentrou seu estabelecimento comercial para comprar um litro do aguardente de cana “Pitú” pagando a funcionária do caixa com uma cédula de R$ 100,00 (cem reais), no propósito de trocar o dinheiro, muito embora tivesse cédulas de menor valor. O comerciante desconfiou e ao verificar a cédula constatou que era falsa. 

O efetivo policial deteve o imputado e o indagou sobre a procedência da nota ao que foi alegado que o mesmo emprestava dinheiro a juros, teria recebido cédulas de diversos clientes e não saberia informar quem lhe passou a nota. Além da cédula falsa, foi encontrada de posse do imputado a quantia de R$ 1.600,00 (um mil e seiscentos reais) em cédulas originais e uma nota promissória de R$ 1.000,00 (um mil reais). Foram apreendidos um celular Motorola, modelo XT1726, IMEI 351836091764037, dois shorts ADIDAS, um capacete branco de marca HELT. A motocicleta HONDA CG 150 TITAN, cor vermelha, ano 2009, placa KGJ6785, que estava em posse do imputado foi encaminhada para 24° CIRETRAN, por está com documentação atrasada. 

As partes foram conduzidas a Delegacia de Polícia e ao chegar ao local o imputado usando de má-fé pediu para fazer uma ligação, porém, aproveitou para apagar os históricos e contatos do telefone. Todos os objetos e valores foram entregues na D.P. para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

0 comentários:

Recent Comments