Advogado consegue liminar para bloquear bens da EletroPetromotos

07 fevereiro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


A Justiça determinou o bloqueio das contas bancárias e de bens imóveis da empresa Eletropetromotos, através de uma decisão oriunda da 3ª Vara Mista da Comarca de Justiça do município de Monteiro. A decisão se deu por meio de uma ação judicial impetrada pelo advogado monteirense, Dr. J. Júnior.

A decisão foi tomada pela Juíza de Direito, Dr. Francilene Lucena, que já encaminhou a determinação aos bancos como também ao 1° Cartório de Ofício e Notas, e Registro Geral de imóveis da Comarca de Petrolina/PE, sede da empresa.

O advogado Dr. J. Júnior, afirmou que a decisão da Magistrada não tem validade para todos os consorciados que se sentiram lesados, mas somente para aqueles que ingressaram com ações na Justiça.

ENTENDA O CASO

A empresa Eletropetromotos trabalhava com o sistema de venda contemplada, em que o cliente do consórcio, quando sorteado, recebia a moto e não pagava mais parcelas. Para manter o equilíbrio do processo, era necessário substituir o contemplado por um novo cliente. Mas em setembro de 2017, após várias queixas de contemplados que não haviam recebido os bens, a empresa anunciou o fim dos sorteios, sem ressarcir os valores já devidamente pagos pelos clientes.

A empresa matinha negócios em várias cidades da Paraíba, entre elas, Monteiro, e também em municípios de Pernambuco, onde a empresa é sediada. (O Pipoco)

Recent Comments