Coluna O Linguarudo - Não vou mentir para agradar (29/01/2018)

29 janeiro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Marina pede ao Brasil que dê 4 anos de “férias” ao PT/PSDB/MDB/DEM para o país avançar - Em entrevista a uma emissora de rádio de Belo Horizonte, neste sábado, a pré-candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, pediu aos brasileiros que deem umas férias de pelo menos quatro anos ao PT, PSDB, MDB e DEM, para que o Brasil “dar um passo à frente”. Segundo ela, esses partidos “precisam de quatro anos sabáticos para se reencontrar com suas bases e reler seus programas”, pois já deram uma grande contribuição à sociedade, mas se perderam no projeto de ‘poder pelo poder’ e da ‘eleição pela eleição’.

Vento inverso – Presente ao ato do PT em Serra Talhada, o ex-deputado Fernando Ferro disse que a candidatura de Marília Arraes ao governo federal percorre um caminho não convencional. Está partindo do interior para a capital, quando geralmente ocorre o contrário.

PT ameaça registrar Lula mesmo preso - O PT decidiu registrar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Palácio do Planalto em 15 de agosto, último dia estabelecido pela Lei Eleitoral, mesmo se ele estiver preso nesta data. O cronograma do partido prevê a retomada das caravanas de Lula pelo País porque, se ele for impedido de disputar a eleição, seu nome somente será trocado na última hora. Dirigentes e parlamentares do PT temem o encolhimento da legenda nas urnas, mas avaliam que, quanto mais Lula fizer campanha nas ruas - embalada pelo discurso da “vitimização” -, maior potencial ele terá de transferir votos para eventual substituto. Até agora, só há dois nomes cotados para esse posto nas fileiras petistas: o do ex-governador da Bahia Jaques Wagner e o do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad.

Compesa não paga operadores da adutora do Pajeú - Operadores da Adutora do Pajeú procuraram a produção dos Programas Rádio Vivo e Cidade Alerta para reclamarem contra o atraso dos seus salários. Segundo os operadores a Compesa não paga os seus vencimentos a quase dois meses. Com a palavra a Companhia Pernambucana de Saneamento. (Por Anchieta Santos)

Charge do Dia: