Polícia e criminoso revelam detalhes de assassinato em Afogados da Ingazeira

29 novembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Por volta das 16:00hs a Central do 23º BPM recebeu uma ligação telefônica tomando conhecimento que havia ocorrido um feminicídio na Rua Antônio Carlos, s/n- Bairro Padre Pedro Pereira- Afogados da Ingazeira. Antes mesmo do acionamento da viatura local, a Central recebeu em ato continuo uma informação do Cb PM L., Policial Militar do 23º BPM, que se encontrava de folga na cidade de Flores, solicitando saber se havia ocorrido um homicídio em Afogados da Ingazeira, por que um indivíduo estava realizando ligação telefônica ao seu lado, e relatando a uma pessoa que havia matado a companheira e estava fugindo para cidade de Salgueiro-PE. Após a confirmação, o graduado juntamente com outro Policial Militar do 14º BPM de folga efetuaram a prisão de Gilmar de Lima Silva. 

A guarnição de Afogados da Ingazeira, foi até o local indicado e confirmou a veracidade dos fatos, onde a vítima Liliane dos Santos, 29 anos, estava caída e sem vida, realizando o isolamento do local do crime até a chegada do efetivo da Polícia Civil, a qual realizou os procedimentos inerentes a aquela instituição. O corpo seguirá para o IML Caruaru, para as devidas perícias. A GT de Quixaba realizou a prisão do imputado já na cidade de Flores, conduzindo o mesmo à DPC-Afogados da Ingazeira, onde o mesmo confessou a autoria do crime, informando que mantinha um relacionamento com a vítima há três meses e que cometeu o crime por ciúmes, asfixiando a vítima com uma corda. Ao verificarem o seu celular foi encontrada uma fotografia da vítima caída ao chão já sem vida. O imputado possui antecedente criminal, autuado na Lei Maria da Penha, cometido contra sua ex esposa. Diante dos fatos o imputado foi conduzido à Delegacia de Polícia de Afogados da Ingazeira/PE, para serem tomadas as medidas cabíveis.