Artista de rua é morto à pancadas de barra de ferro em Carnaíba

29 novembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


A GT ordinária foi informada pelo agente da Polícia Civil sobre um possível homicídio na Zona Rural de Carnaíba. O policiamento deslocou-se até o local, juntamente com o agente da Polícia Civil e ao chegar no local a vítima L.P. M., 52 anos, conhecido por Louro, artista de rua, morador da Rua Riacho dos Campos, próximo a Cohab abandonada, no Bairro de Carnaíba Velha, já havia sido socorrida ao hospital municipal por populares. A GT foi ao nosocômio daquela cidade e constatou que a vítima foi socorrida após sofrer uma agressão na cabeça. A mesma deu entrada no hospital ainda com vida, mas faleceu logo em seguida. Segundo testemunhas a vítima e o acusado J. A. S., 48 anos, conhecido por Cigano, teriam se desentendido na última semana e que ontem o desentendimento voltou a ocorrer, tendo os envolvidos entrado em discussão, momento em que o acusado pegou uma barra de ferro e bateu na cabeça da vítima. A referida barra de ferro, utilizada na prática delituosa, foi encontrada no local do fato. O policiamento fez diligências e colheu informações na tentativa de capturar Cigano. O Graduado de Operações, juntamente com o efetivo do CVLI e o NIS-1, continuaram as diligências e algumas horas após a prática delituosa localizaram o acusado na PE-320, 08 Km após Carnaíba, sentido a cidade de Flores-PE. Cigano foi conduzido e entregue à Delegacia de Polícia de Afogados da Ingazeira, onde o mesmo foi autuado em flagrante delito.


Acusado está preso

Vítima