Prefeito de São José do Egito dá ordem de serviço para terminar construção de escola inacabada

11 setembro Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Uma obra que deveria ter sido terminada no ano de 2014, se tornou um grave problema para o município de São José do Egito. Licitada duas vezes na gestão passada, o prédio que vai abrigar uma escola, chegou a 2017 sem estar nem a metade concluída.

Depois de rever o processo licitatório e consultar o Ministério público e o Tribunal de Contas do Estado, o prefeito Evandro Valadares, ordenou nova licitação e na manhã dessa Segunda (11), deu ordem de serviço, para conclusão da obra.

Licitada no fim de 2016 por aproximadamente R$ 3 Milhões e 500 mil, o novo processo trouxe economia as cofres públicos de pouco mais de R$ 1 milhão de 100 mil, já que a empresa que venceu o certamente em 2017, apresentou proposta de cerca de R$ 2 milhões e 400 mil.

O prazo para conclusão da obra será de 8 meses. Os trabalhos deverão iniciar imediatamente e deverá gerar dezenas de empregos diretos e indiretos para o município.