OAB-PE vai apurar preconceito de vereadora contra nordestinos

25 maio Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Em uma nota divulgada no início da noite desta quarta-feira (24), a Ordem dos Advogados do Brasil em Pernambuco (OAB-PE) anunciou que irá oficiar a Câmara de Vereadores da cidade de Farroupilha, no Rio Grande do Sul, pedindo uma cópia da ata da sessão da última segunda-feira (22), na qual a vereadora Eleonora Broilo (PMDB) fez comentários preconceituosos contra nordestinos. Com a ata em mãos, a OAB-PE pretende adotar outras providências a respeito do caso.

Em sessão pública na Câmara, a vereadora gaúcha teria dito que nordestinos "sabem se unir para roubar". "Em relação a nordestino saber fazer política, não sei se concordo muito. Acho que eles sabem muito bem se unir, sim, para roubar, para ganhar propina, para aumentar a corrupção", teria declarado, sobre o atual momento político do Brasil.

DEFESA

Em nota, publicada numa rede social, Eleonora garantiu que a "fala está descontextualizada do que realmente era objeto de discussão pelo Plenário. Na ocasião, em momento anterior à minha manifestação, um colega da bancada da situação teceu críticas aos políticos gaúchos. Nesse sentido, manifestei-me, referindo-me exclusivamente aos políticos nordestinos – e não ao povo nordestino -, ocasião em que efetivamente fiz considerações desabonatórias ao seu modo – dos políticos nordestinos, reitera-se - de fazer política", escreveu.