Situação diz que antiga gestão de São José do Egito deixou dívida de 175 mil reais com a Celpe

15 março Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Da Assessoria de Comunicação - Tem de todos os valores, desde R$ 18,00 até mais de R$ 30,000,00. Parece piada, mais não é, e se fosse, era de muito, mais muito mal gosto, mais infelizmente é a pura e dolorosa realidade egipciense. 

Com dois meses e meio de gestão, o atual prefeito de São José do Egito, Evandro Valadares se surpreende a cada dia com a quantidade de contas deixadas pelo seu antecessor, para que sejam pagas em 2017, o detalhe é que todas venceram em 2016.

Tem conta que o vencimento é datado do dia 28 de Setembro. Em sua maioria prédios públicos e áreas de iluminação pública que devem ser pagos pela prefeitura, caso de praças e canteiros centrais de avenidas.

Na imagem que segue essa matéria, uma conta da praça da independência com vencimento datado de 28 de Outubro, de mais de 30 mil reais, detalhe é que nessa data o ex – prefeito já tinha perdido as eleições municipais e ainda faltavam mais de dois meses para ele deixar o cargo de prefeito, então perguntar não ofende, porque não foi pago essa e tantas outras contas do município?

Agora terá que pagar com atraso, sendo cobrado multas e juros por atraso, que só nessa conta da imagem somando os valores chegam a R$ 2.448,61.

Quase dois mil e quinhentos reais jogados fora, com pagamento de juros e multas, somente de uma das dezenas de contas de energia que não foram pagas na data pela antiga gestão.