Em vídeos gravados em 2015 e 2016, Lula e Dilma defendem a Reforma da Previdência

17 março Grupo Roma Conteúdos 0 Comentários


Há apenas dois anos, Lula endossava argumentos evocados pelo presidente Michel Temer para justificar a reforma da Previdência. 

Como se vê, Lula acha que a curva desenhada pelo crescimento da expectativa de vida tornou irremediavelmente grisalha a legislação previdenciária. “A gente morria com 60 anos de idade, com 50 anos de idade, agora a gente tá morrendo com 75”, compara no vídeo. Ele também reconhece que a passagem do tempo exige correções modernizadores em praticamente todos os textos legais. “Você não pode ficar com a mesma lei que você tinha feito há 50 anos atrás”, diz o palanque ambulante. “É preciso que você avance”.

“Cê tem várias formas pra encarar a questão da Previdência”, concorda a ainda presidente Dilma Rousseff no vídeo abaixo, gravado em janeiro de 2016. “Os países desenvolvidos, todos eles, buscaram aumentar a idade de acesso, a idade mínima para acessar a aposentadoria. Tem esse caminho”.  Dilma também mudou de rota ─ e declarou guerra à reforma proposta pelo governo Temer.