Social Icons

sábado, 10 de setembro de 2016

Clima de guerra faz Câmara de Tuparetama restringir a entrada do povo a casa do povo!

A eleição em Tuparetama historicamente tem um clima de guerra. Estes últimos quatro anos foi marcado por agressões mútuas entre as militâncias. O clima ficou ainda mais acirrado após a tentativa da situação em vencer as eleições sem o voto direto, e na última segunda-feira, 5 de setembro, a oposição foi a frente da Câmara de Vereadores gritar contra o golpe, e a militância da situação lutar para não ter disputa na eleição, tirando um candidato no "tapetão". A justiça confirmou a candidatura de Sávio Torres, porém o clima de guerra ficou instaurado na cidade. Sendo assim a Mesa Diretora, através do seu presidente, vereador Thiago Lima, determinou oficialmente que as próximas reuniões até o término da campanha eleitoral serão realizadas a portas fechadas, sem acesso da população. As reuniões dos vereadores poderão ser acompanhadas através de rádio da cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário