Social Icons

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Após pressão de movimento popular, vereadores de Serra Talhada revogam reajuste de salários

Após formação de movimento popular contra o aumento de salários, os vereadores da câmara municipal de Serra Talhada recuaram e decidiram revogar o aumento de pouco mais de 20% em seus subsídios R$ 8 mil para R$ 10. Em nota no início da tarde desta sexta-fera (16), o presidente da casa, Agenor de Melo Lima (PV), afirmou que os parlamentares apresentaram proposta que cancela o aumento “após ouvir o clamor público”.

A decisão foi tomada após formação de movimento popular e agendamento de protesto público que aconteceria na segunda-feira (19) na Câmara Municipal de Serra Talhada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário