Social Icons

terça-feira, 31 de maio de 2016

Secretário de Saúde diz que Dinca tem inveja do Governo Sebastião Dias e o "bule de chá ferve" na política tabirense

A acusação de Dinca é inveja. Ele teve 9 anos de mandatos para comprar um ônibus como nós compramos e não conseguiu – a afirmação foi feita ontem pelo Secretário de Saúde Alan Dias falando a Rádio Cidade FM, respondendo a acusação do ex-prefeito que o ônibus comprado por R$ 180 mil reais para o TFD foi superfaturado pela Prefeitura de Tabira. Alan disse ainda que sucata, Dinca tem na frente de sua empresa e que o ônibus foi comprado através de pregão presencial e que ao invés da CPI proposta por ele, os vereadores deveriam entrar com uma ação contra o ex-gestor. Alan citou a frota sucateada deixada por Dinca e o débito de R$ 31 mil reais deixado com a Empresa Progresso. O secretário ainda anunciou que o governo Sebastião Dias já esta tratando da aquisição da Casa de Apoio no Recife. 

Depois da participação de Alan, Dinca ligou para a Rádio Cidade e rebateu dizendo que jamais teria inveja de um governo horroroso como o do Poeta hoje em Tabira. Elogiou a economia feita por Marcos Crente na Câmara, mas citou a falta de experiência dos parlamentares com pregão sem conhecer o veículo. 

Dinca desafiou Alan e o governo a citarem os jornais onde o edital foi publicado, anunciando o Pregão. E o ex-prefeito completou dizendo que o ônibus teve mesmo a compra superfaturada. Durante a sessão da Câmara á noite, o vereador Djalma das Almofadas, reafirmou ter participado do Pregão e que foi legal, mais a empresa licitada, passou gato por lebre, pois pelo valor o ônibus foi caro. O Líder do governo Mario Amaral (que mais uma vez esqueceu de apresentar a prestação de contas do Serviço de Convivência da Secretaria de Ação Social), acusou Dinca de usar os microfones das Rádios para “latir” contra um governo que trabalha pelo povo. “Ele (Dinca) está latindo para voltar a pegar o osso”. Já Marcos Crente, Presidente da casa legislativa, lembrou que o ônibus foi comprado com garantia de 90 dias em motor e Caixa de marcha. Revelou que uma das empresas participantes do Pregão, compareceu sem documentação. E completou dizendo que se tem alguém que entende de superfaturamento, não é ele. (Por Anchieta Santos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário