Social Icons

terça-feira, 17 de maio de 2016

Afogados entra na luta contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

No dia 18 de maio de 1973, uma menina de oito anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois, carbonizado, e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. O caso “Araceli”, como ficou conhecido, gerou uma ampla repercussão nacional e provocou a criação do Dia Nacional de Combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes.

Amanhã, em todo o Brasil, ocorrerão atividades para reafirmar a importância dessa luta. Em Afogados da Ingazeira, a Secretaria Municipal de Assistência Social, em parceria com o Governo de Pernambuco, vem promovendo atividades durante este mês.

As equipes de educadores e assistentes sociais do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (antigo PETI) e do CRAS estão promovendo debates e palestras sobre o tema da “exploração sexual” com as crianças e jovens participantes dos serviços. O CREAS Regional também tem atuado nas comunidades do São João, Alto Vermelho e Pintada, abordando o tema com a população.

Amanhã, o grande dia, haverá um debate na Rádio Pajeú com os coordenadores da campanha. Nesse mesmo dia, às 19h, profissionais do CREAS (regional e municipal) estarão debatendo o tema com alunos do curso de serviço social da Faculdade UNIP. Pela alta relevância do tema, as Unidades Básicas de Saúde também estão abordando o assunto com o seu público-alvo. 

Concurso de redação – alunos da rede municipal de ensino também estão participando ativamente da campanha. A Secretaria de Educação está promovendo um concurso de redação com o tema “abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes”. Participam alunos do 9º ano. A premiação ocorrerá no dia 14 de Junho, durante a realização do 2º Fórum do Selo UNICEF em Afogados da Ingazeira. As premiações serão 01 tablet, 01 relógio e 01 kit escolar, para os três primeiros lugares, respectivamente. 

Os conselheiros tutelares de Afogados da Ingazeira também estão participando ativamente desta luta com palestras, debates em rádio, entre outras atividades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário