Social Icons

sábado, 9 de abril de 2016

Mais de 9 mil pés de maconha são destruídos em assentamento do MST em Serra Talhada

Em uma Operação conjunta Policiais Militares do 14º BPM, GATI, NIS-2 e CIOSAC/BEPI deram cumprimento ao mandado de busca e apreensão expedido pelo excelentíssimo Sr. Juiz de Direito da Comarca de Serra Talhada a propriedade do individuo S. L. da S., 34 anos, casado, agricultor. Sendo encontrado na parte externa da mesma próxima a um “poste” uma espingarda tipo “soca-soca” e um “bisaco” com material para recarga que o acusado assumiu ser de sua propriedade. 

Quando indagado sobre a existência de uma roça de maconha e de uma espingarda calibre 12, a resposta foi positiva para a existência de ambos. O mesmo afirmou ter uma roça de aproximadamente uma “Tarefa” de cultivo de maconha e que a espingarda calibre 12 estava com os dois seguranças da localidade que ao perceberem a aproximação do policiamento evadiram-se do local. Os três trabalhavam em conjunto no plantio, cultivo, conservação e futuramente com a colheita e venda da droga. Os Policiais Militares efetuaram a erradicação do plantio e trouxeram uma porção para a delegacia de polícia local de amostra. O acusado foi conduzido juntamente com os materiais apreendidos até a delegacia onde foram apresentados a autoridade policial onde o mesmo foi autuado em flagrante delito e recolhido a Cadeia.

A apreensão foi no Assentamento Virgulino Ferreira é uma área coordenada por dirigentes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), mas o plantio ilegal foi uma ação isolada do agricultor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário