Social Icons

domingo, 24 de abril de 2016

Mãe de Isabella Nardoni está grávida e feliz. Passaram-se oito anos da tragédia

Quem se lembra de Ana Carolina Oliveira, hoje com 32 anos, sabe o quanto ela sofreu. Mãe da menina Isabella Nardoni, assassinada aos 5 anos de idade, em 2008, ela, hoje, vive uma nova fase da vida. Casada, grávida de um menino, pensou que nunca mais fosse reconstruir a sua vida. Estava enganada, ainda bem. Em entrevista à revista Veja SP, Ana Carolina diz que jamais pensou em se ver tão feliz novamente. “No auge dos problemas, eu achava que jamais iria me casar vestida de noiva e ter filho. A vida dá muitas voltas”, contou Ana Carolina para a publicação.

Hoje, Isabella Nardoni teria 14 anos, se não fosse a brutalidade da noite de 29 de março de 2008. Ela foi lançada da janela do sexto andar do Edifício London, em São Paulo. O pai, Alexandre Nardoni, e a madrasta, Anna Carolina Jatobá, foram condenados por homicídio doloso e o caso ganhou uma repercurssão mundial, comovendo especialmente os brasileiros, que acompanharam de perto toda a dor de Ana Carolina de Oliveira, a mãe da pequena.

À época, a administradora já namorava outro homem, mas o relacionamento acabou meses depois, segundo contou à Veja SP. A partir daí foram dois anos solteira, quando conheceu o atual marido, Vinicius Francomano, 29, em um bar da cidade. “Não tinha esperança em relação a isso (ter filhos), mas tudo mudou. Estou vivendo o meu primeiro casamento. Com o outro (Nardoni), eu nem sequer morei junto. Fiquei grávida de Isabella aos 17 anos, hoje tenho 32”, avalia. Vinicius disse que ficou muito assustado com o assédio nas ruas, mas nem por isso abriu mão da felicidade. “Tem gente que fala que fui corajoso”, disse à revista. O casal se casou em 2014, na Catedral Anglicana.

Felicidade

Passaram-se oito anos. “Lutei para voltar a ser feliz, pois essa é a imagem que a minha filha tinha de mim”, disse. “A Isa sempre me viu feliz – e é assim que estou hoje. Tenho certeza: Isabella estaria feliz”, desabafou a mãe que batizará o filho de Miguel.

Sobre o perdão aos assassinos da filha, Ana Carolina foi enfática: “Isso não é comigo, é com Deus”. Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá estão em presídios de Tremembé, no interior Paulista. Ele foi condenado a 31 anos de prisão e ela a 26. Segundo as investigações, a madrasta asfixiou Isabella antes de jogá-la da janela do apartamento onde vivia. (Correio Braziliense)

Nenhum comentário:

Postar um comentário