Social Icons

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Idosa escolhe morar na rua para não ficar sozinha em casa

Uma idosa de 69 anos está vivendo há seis meses no Terminal de Integração de Campina Grande, no Centro da cidade, por medo da solidão. Luiza Ferreira trabalhou por 14 anos como escriturária, hoje é aposentada e tem uma casa, mas prefere morar na rua. “Para não estar só em casa”, justificou.

O supervisor do terminal, Cândito Alexandrino, explicou que já tentou ajudar. “Já estive no Ministério Público para saber como está o caso dela. O que a gente entende é que há uma urgência, uma necessidade, de forma rápida, de tentar dar uma solução ao problema dela”, disse.

O Centro de Referência Especializada para População em Situação de Rua também foi acionado, mas não há muito o que ser feito. “Uma pessoa se autonegligenciando, a gente não pode tirá-la dali a força. Então a gente fez uma solicitação diretamente à Promotoria do Cidadão, relatando que, infelizmente, ela vai ter que ser interditada no sentido de que ela possa ser acolhida”, explicou a coordenadora, Kaline Barroso.

A Curadoria dos Direitos do Cidadão informou que recebeu a denúncia e que vai tomar as medidas cabíveis para tirar a idosa da situação de risco em que ela se encontra. (Primeiras Notícias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário