Social Icons

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Ex-prefeito Totonho e ex-secretário Carlos Rabêlo terão que restituir aos cofres públicos mais de 480 mil

Após a Auditoria Especial realizada pelo TCE-PE na Prefeitura Municipal de Afogados da Ingazeira que teve como objetivo avaliar se os serviços de limpeza urbana atenderam às necessidades da população, bem como se os recursos gastos foram compatíveis com os serviços executados no ano de 2011, e que a Segunda Câmara do TCE-PE julgou irregular o objeto da Auditoria Especial realizada, ficou determinado que o ex-prefeito de Afogados da Ingazeira, Totonho Valadares, e o ex-secretário de Infraestrutura, Carlos Rabêlo, terão que restituir aos cofres públicos o valor de R$ 486.970,44 que deverão ser corrigidos monetariamente a partir do primeiro dia do exercício financeiro subsequente ao das contas ora analisadas. 

A Auditoria constatou algumas irregularidades como: a inexistência de um plano de gerenciamento integrado de resíduos sólidos; que a destinação final do lixo não atende à legislação ambiental; a deficiência na fiscalização dos serviços; que os veículos utilizados não são adequados para a coleta de resíduos sólidos domiciliares; que os servidores efetivos não recebem Equipamento de Proteção Individual-EPI. A sessão foi realizada no dia 14 de abril e teve a publicação da decisão no Diário Oficial do dia 19. (Rádio Vivo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário